Beneficiados com Proeducar começam a renegociar dívida

25/06/2013 - 08:43 - Jodevaldo Pereira / Sedecti

Divulgação/Sedecti

 O médico Diórgenes Vanderley dos Santos, que se formou com recursos do Proeducar, fez questão de procurar a Sedecti para o pagamento do crédito que recebeu quando era estudante.

Os beneficiados com o Programa de Crédito Educativo do Governo do Estado (Proeducar) que estão em débito com a administração estadual estão sendo chamados para negociação. Da última quarta-feira, 19, até a tarde desta segunda-feira, 24, mais de 170 pessoas já haviam procurado a Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti) para regularizar a situação.

Conforme dados da Diretoria de Formação Profissional da secretaria, já foram negociados mais de R$ 1,7 milhão. Destes, R$ 210 mil referem-se a prestação de serviços dos estudantes já graduados.

Segundo o titular da Sedecti, Paulo Massuia, o recurso financeiro recebido dos beneficiados será utilizado para regularizar o Programa. “Nós acreditamos que com o início desse processo de recebimento teremos condições de regularizar a situação do Programa para que possamos, em breve, lançar novos editais para beneficiar outros estudantes de todo o Estado”, afirmou.

Como negociar

Devem procurar a Secretaria todos os beneficiados do Proeducar que estão com débitos, mesmo os que já concluíram o curso de graduação, desistiram ou foram excluídos do Programa. A Sedecti está informando através de e-mail os beneficiados com dívidas referentes ao Programa.

A negociação pode ser feita pela internet através do site www.tecnologia.to.gov.br, no link Proeducar/Sicoap – Sistema de Cobrança de Alunos do Proeducar. Neste sistema, é possível informar-se sobre o valor da dívida, negociá-la e ainda gerar o boleto que deve ser pago em qualquer agência bancária até o vencimento.

O beneficiado tem como opções quitar o débito à vista ou da seguinte forma: até 50% do valor total em prestação de serviços ao Governo e o restante da dívida em até uma vez e meia o correspondente ao período de utilização de seu benefício. Ou seja, quem utilizou o crédito por quatro anos, poderá parcelar seu débito em até seis anos, por exemplo.

Proeducar

O Proeducar é um programa de crédito educativo do Governo do Estado que tem o objetivo de financiar parcialmente os cursos de graduação de estudantes carentes matriculados em instituições de ensino superior não gratuitas no Tocantins. O valor financiado pode chegar a 85% do valor da mensalidade.

A instituição de educação superior oferece um desconto de 20%, cabendo ao acadêmico somente uma pequena diferença. O Programa já beneficiou mais de cinco mil estudantes carentes no Estado e já investiu cerca de R$ 51,4 milhões.

Como funciona

Se a mensalidade do curso escolhido pelo aluno é de R$ 1.200,00, por exemplo, a instituição de educação superior dá um desconto de 20%, fazendo o valor cair para R$ 960. O Governo do Estado financia até 85%, calculados a partir da renda mensal apresentada pelo aluno. No caso exemplificado, o governo poderia então financiar até R$ 816,00 e o aluno pagaria apenas R$ 144,00 mensais à universidade. Ao concluir o curso o aluno acerta os débitos com o governo.

Para outras informações, o beneficiado pode entrar em contato através do telefone (63) 3218-6313.

Compartilhe esta notícia:

Outras notícias

Resultado da prova objetiva do concurso da Defesa Social é divulgado após Governo negociar pagamento com a Funcab Estado e Universidade definem ações conjuntas para a educação Polícia Técnico-Cientifica do Tocantins realiza Ciclo de Estudo de Casos Policia Militar reforça efetivo e intensifica ações na Capital e no interior do Estado HGP: Programa garante qualidade no atendimento a pacientes Direito da criança e do adolescente são discutidos em reunião entre Governo do Estado e Cedeca Revistas periódicas garantem a segurança em unidades prisionais Escolas se preparam para início do ano letivo na rede estadual de ensino PM reforça policiamento em áreas comerciais e residenciais no TO Governo do Estado participa da inauguração do novo Fórum da Comarca de Guaraí Produtores rurais do Tocantins têm até esse sábado para declarar movimentação de rebanho Tocantins tem 27 projetos aprovados para o Programa Tecnova Governador Marcelo Miranda reafirma interesse do Executivo em dialogar com Tribunal de Contas Governador destaca importância de parceria institucional com TCE Governo estuda criar Rede Comunitária Escolar com participação de gestores e coordenadores Tocantins é contemplado pelo Ministério da Saúde com 12 bolsas para residência em Saúde Coletiva Catadores de materiais recicláveis no Estado vão ser beneficiados com projeto “Lixo e Cidadania” Governo do Estado promove desenvolvimento sustentável e social para cooperativas de material reciclável Carnaval do Bem orienta jovens para evitar excessos nas festas Estado quer aumentar chances de ressocialização da população em regime sócio-educativo