Bombeiros salvam recém-nascido de engasgamento em Colinas

17/02/2017 - Geórgia Milhomem / Governo do Tocantins

Um bebê de apenas seis dias de vida se engasgou com leite e foi salvo pelos bombeiros militares de Colinas, na região norte do Tocantins. A mãe telefonou para a corporação e recebeu as primeiras instruções por telefone. O incidente aconteceu nesta quarta-feira, 16.

Os bombeiros levaram apenas quatro minutos para chegar ao local da ocorrência. “Nessas situações, o tempo é fundamental, porque o engasgamento pode levar a criança ao risco de sofrer uma parada cardiorrespiratória, o que poderia levar o bebê a óbito”, ressaltou o soldado, Juscelino Montel, que atuou na ocorrência.

Quem realizou os primeiros procedimentos foi o soldado Eglison Abade, “Quando acontece um engasgamento, é preciso deitar a criança de barriga para baixo no braço e com uma inclinação de 45º. Depois, é necessário abrir a boca do bebê e massagear as costas dele até a expulsão do corpo estranho”, explicou o bombeiro. Após receber os primeiros socorros, o bebê foi levado aos cuidados médicos no Hospital Regional de Colinas.

Orientações

A orientação é ligar imediatamente para o telefone 193 do Corpo de Bombeiros, mas até a chegada da ajuda especializada, os pais podem realizar os primeiros socorros. “Um adulto deve colocar o bebê de barriga para baixo sobre as coxas, com a cabeça voltada para os seus joelhos. Segurar o bebê por baixo, mantendo o antebraço sob a barriga da criança, com a mão segurar a cabeça e o pescoço do bebê. Com a outra mão, dê cinco tapas firmes, mas não com muita força, nas costas da criança, entre as omoplatas”, explicou o soldado Ronaldo Sá, que também atuou na ocorrência.

Compartilhe esta notícia