Naturatins renova cooperação com a Prefeitura de Lajeado

21/09/2017 - Tânia Caldas/Governo do Tocantins

Com o objetivo de dar continuidade à parceria realizada entre o Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) e a Prefeitura municipal de Lajeado, foi assinada nesta quinta-feira, 21, a renovação do Termo de Cooperação Técnica entre o Instituto e o executivo municipal, no sentido de manter o uso das dependências onde funciona, há dois anos, a sede da Área de Proteção Ambiental Serra do Lajeado (APASL), no município pertencente à APA.

A renovação da cooperação irá possibilitar a continuação da implantação da APASL por mais dois anos. A parceria ocorre devida uma soma de esforços integrados de ambas as partes, que tem como proposta a adoção de políticas de colaboração e compartilhamento de experiências que visam garantir a conservação da fauna, flora, solo, bem como a qualidade da água na região.

De acordo com a supervisora da APASL, Camilla Oliveira Muniz, a cooperação com a Prefeitura de Lajeado irá garantir o desenvolvimento das atividades realizadas pela Unidade de Conservação. Ela explica que o Naturatins participa com a equipe técnica enquanto que a Prefeitura cede a sala e realiza o custeio da instalação. “Com esta parceria, de trazer a sede da APASL para Lajedo, foi possível atender melhor os municípios de Lajeado e Tocantínia. Para isso, nossa equipe desenvolve um trabalho de educação ambiental nas escolas e também com a população, além de realizar outras iniciativas como a comemoração de datas comemorativas relacionadas ao meio ambiente”, enfatiza.

A Área de Proteção Ambiental Serra do Lajeado funciona como zona de amortecimento do Parque Estadual do Lajeado. Com área de 121.417,7659 ha abrange os municípios Lajeado, Tocantínia, Aparecida do Rio Negro e Palmas.  A APA Serra do Lajeado possui inúmeras belezas naturais, tais como serras, rios, cachoeiras, uma vegetação exuberante e riquíssima fauna.

A UC está estrategicamente localizada na região central do Estado, de forma a manter a conectividade entre várias Unidades de Conservação, a dispersão de populações e o favorecimento da recolonização das áreas degradadas.

Cooperação

O 1º aditivo do Termo de Cooperação Técnica foi assinado pelo prefeito Tercio Melquiades Neto e pelo presidente do Naturatins Herbert Brito (Buti). E como testemunhas, assinaram a chefe de gabinete, Mariinha Portilho, e a gerente da APASL, Camilla Oliveira Muniz. 

 

Compartilhe esta notícia