Educação apresenta cronograma de matrículas e calendário letivo de 2018

14/11/2017 - Thaís Souza /Governo do Tocantins

A equipe gestora da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) reuniu-se, nesta segunda-feira, 13, com os diretores regionais de Educação, superintendentes, assessores pedagógicos, técnicos das Diretorias Regionais de Educação (DREs) para discutir sobre as orientações pedagógicas e administrativas da rede estadual da Educação do Tocantins.

Objetivo do encontro foi apresentar, às equipes, o Guia de Matrículas para 2018, o Calendário Letivo de 2018, as Estruturas curriculares, os Programas de Formação e os Projetos Educacionais que serão desenvolvidos no próximo ano letivo.

A professora Wanessa Zavarese Sechim, titular da Pasta, apresentou mudanças nos procedimentos de matrículas da rede estadual para 2018. Segundo a gestora, é fundamental cumprir as etapas e os prazos para uma boa execução das atividades. “É importante trabalharmos articulados, com a integração de todos os setores da educação, assim como o envolvimento da comunidade, prefeitos, dirigentes das unidades municipais, pois o acesso é a porta de entrada, o primeiro pilar para que os quatro eixos norteadores da educação [Acesso, Atendimento, Permanência e Aprendizagem] sejam efetivados”, pontuou.

A secretária destacou a importância de facilitar o acesso e realizar um bom atendimento para que haja a permanência e o sucesso na aprendizagem. “O Governo do Estado, por meio da Seduc, está empenhado em oferecer os melhores serviços à população. Na Educação, o planejamento 2018 começa com a garantia ao acesso e o atendimento com qualidade a todas as nossas escolas”, pontuou.

A secretaria disponibilizou, em sua página, o cronograma de matrículas e um guia, para nortear as ações de alunos já matriculados, bem como daqueles que ingressarão. O material pode ser acessado no site: www.seduc.to.gov.br.

A diretora regional de Educação de Arraias, Leila Maria Florêncio, salientou que, durante estas reuniões, é possível trocar experiências e trabalhar o desenvolvimento da aprendizagem por meio de ações voltadas ao fortalecimento pedagógico. “Com base no calendário apresentado, conseguiremos trabalhar o planejamento, a avaliação diagnóstica, os simulados do Enem e sábados não letivos, muito bem avaliados em 2017”, informou.

Conforme Eliana Azevedo, assessora pedagógica da Diretoria Regional de Educação de Porto Nacional, atingir os quatro pilares educacionais é um grande avanço para a educação tocantinense. “Discutir as propostas pedagógicas para o próximo ano letivo, com os técnicos das Regionais, torna todos corresponsáveis pelo sucesso do processo ensino aprendizagem”, afirmou.

Neivon Bezerra, diretor Regional de Paraíso do Tocantins, salientou que os debates ajudam a sanar possíveis dúvidas em relação aos procedimentos para 2018. “As discussões contribuem para melhor assimilação de todos, já que diversos pontos foram abordados, como datas para a realização da avaliação diagnóstica, simulados do Enem, conselhos de classe pedagógico, planejamento pedagógico e semana do fortalecimento da aprendizagem”, disse.  

Alem do Calendário Escolar Padrão, foram discutidos o calendário escolar indígena e o da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Para esta terça-feira, 14, também serão discutidas questões administrativas das Regionais.

Compartilhe esta notícia