Plano de Política de Resíduos Sólidos é apresentado ao Conselho Estadual de Meio Ambiente

25/01/2018 - Ana Regina Germano/Governo do Tocantins

Após o primeiro passo para elaboração da Política Estadual de Resíduos Sólidos do Tocantins, com a assinatura da ordem de serviço nesta terça-feira, 23, o consultor Fabrício Soler, em reunião coordenada pela Diretoria de Políticas Ambientais (DPA), apresentou nesta quarta-feira, 24, aos membros da Câmara Técnica de Resíduos Sólidos do Conselho Estadual de Meio Ambiente (COEMA) o plano de ação do trabalho de consultoria para apoio à Secretária de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh). Além de estipular o cronograma de ação, o plano norteará as atividades daqui para frente.

Na ocasião foram detalhadas as ações, levantadas as dificuldades de gestões e sugeridos possíveis anexos para soluções de problemas como, melhor forma de descarte ou destinação correta no setor de patrimônio; eficiência na temporada de praia; agilidade no processo legal de reutilização de madeiras apreendidas; normas de procedimentos para descarte correto em órgãos públicos e fomentação da educação ambiental. As contribuições dos membros da Câmara Técnica foram absorvidas pelo consultor, que deve enviar versão final do plano em até dez dias.

O próximo passo é a apresentação, em 60 dias, do Relatório com o Arcabouço Legal e exposição de motivos, que servirão como um banco de dados de leis sobre manejo de resíduos sólidos e ajudarão na elaboração da Política. O prazo total para conclusão da Política é de 120 dias.

Compartilhe esta notícia