Frango Norte lança projeto de produção integrada em Paraíso

15/10/2005 - 17:13 - Celso Gick

O diretor de Indústria e Comércio da Sictur - Secretaria da Indústria, Comércio e Turismo, Vilmar Carneiro Wanderley, participou nesta sexta-feira, 14, do lançamento do Projeto de Integração Frango de Corte de Paraíso e Região, pela empresa Frango Norte, no Clube Recreativo, em Paraíso. Durante o encontro, técnicos da empresa fizeram uma explanação sobre o empreendimento para cerca de 700 produtores rurais, investidores e autoridades. Segundo o diretor, o projeto tem grande importância para o desenvolvimento do setor avícola tocantinense, "além de possibilitar a fixação do homem no campo evitando a migração do produtor rural para as cidades”, analisou. De acordo com o diretor da empresa, José dos Santos Carneiro, os principais objetivos da iniciativa são aumentar a produção e elevar a renda dos produtores rurais. "Todos sabemos que onde existe o desenvolvimento da avicultura ocorre uma melhoria da qualidade de vida das populações envolvidas no processo", disse.O empreendimento, que exigirá um investimento de R$ 15 milhões, abrangerá 14 municípios num raio de 70 km de Paraíso. Para dar sustentação ao sistema será construída uma fábrica de ração e 80 galpões, cada um com capacidade para 20 mil aves. O projeto pretende estimular o desenvolvimento da avicultura de corte de uma forma integrada. No sistema, a empresa, chamada integradora, entra com os pintos de um dia, ração, vacina, medicamentos e assistência técnica. Por outro lado, o produtor rural, denominado integrado, fica responsável pela construção do galpão, mão-de-obra e aquecimento. O Banco da Amazônia já dispõe de linha de crédito para financiar a construção dos galpões.A empresa Frango Norte prevê numa primeira etapa do empreendimento construir 80 galpões num período de até dois anos. Numa segunda fase, está prevista a construção de mais 50 galpões em mais dois anos. O projeto da empresa Frango Norte é o segundo sistema integrado de produção de frango de corte implantado no Estado.O primeiro, instalado pela empresa Asa Norte Alimentos, está em funcionamento em Tocantinópolis há cerca de quatro anos e recebe frangos produzidos em 60 galpões em atividade na região. O frango tocantinense atende o mercado interno do Estado, mas também é comercializado em grande quantidade para o Maranhão e Pará. A expectativa é de que com o aumento da produção também sejam atingidos mercados de países da Europa, América do Norte e Ásia.

Compartilhe esta notícia:

Outras notícias

Câmara Setorial da Apicultura se reúne para definir as ações da cadeia produtiva a serem desenvolvidas em 2015 Selo de Identificação Geográfica vai agregar valor a produtos de Capim Dourado do Estado Novos membros do Conselho Especial para Elaboração do Índice de Participação dos Municípios são empossados Participação de alunos de escolas públicas e particulares cresce nas edições da Agrotins Com mais de 75 mil pacientes hipertensos, Estado chama atenção para a prevenção Detran-TO modifica sistema de cassação da Permissão para Dirigir Corpo de Bombeiros forma primeira turma do Curso de Aperfeiçoamento de Sargentos realizado no Tocantins Corpo de Bombeiros de Colinas recebe área para construção de sede definitiva Estado promove 1º Encontro de Associação de Moradores em Palmas TO realiza seminário para discutir educação integral e currículo Ações para garantir segurança alimentar e nutricional à população são desenvolvidas no TO Recolhimento de embalagens de agrotóxicos chega a mais cidades, projetos Manuel Alves e São João são priorizados Prazo para declarar Imposto de Renda termina no próximo dia 30 Ouvidoria busca acessibilidade e celeridade no atendimento Agrotins 2015 terá atrações especiais para produtores no Pavilhão da Agricultura Familiar Idosos recebem atenção integral e tratamento adequado no TO em casos de demência Termo de cooperação para implantar Selo do Capim Dourado será assinado nesta 6ª Medidas de controle e estratégias do Programa Estadual de Erradicação da Febre Aftosa são temas de reunião no TO Agrotins se firma como o maior evento de tecnologia agropecuária da Região Norte Jovens do campo têm acesso à escolarização e qualificação; aulas do Projovem Campo começaram nesta quinta-feira