Bombeiros orientam salvamento de bebê engasgado em Paraíso

20/03/2018 - Nara Moura/Governo do Tocantins

O Corpo de Bombeiros Militar, por meio da 3ª Companhia de Paraíso do Tocantins, foi acionado na noite do domingo, 18, às 20h48, para atender uma ocorrência de engasgamento de uma criança, no setor Pouso Alegre. O pequeno João Victor, de apenas 12 dias de vida, engasgou-se com o leite materno após a amamentação.

O sargento Hugo Alessandro Silva Fernandes, bombeiro que prestou o atendimento, via telefone, no Centro de Operações do Corpo de Bombeiros (COCB) de Paraíso, declarou que o solicitante e primo do pai da criança, Renato Maciel Bandeira, foi orientado a colocar a criança por sobre o braço, apoiando a cabeça voltada para baixo e com os dedos abertos, fazendo abertura das vias aéreas e dando leves tapinhas nas costas entre as escápulas, na tentativa de desobstrução.

Como o procedimento não deu o resultado esperado, o sargento Hugo Alessandro orientou que fosse realizada, com a boca, a respiração de emergência na boca e nariz da criança. Desta vez, a criança espirrou e chorou, eliminando a secreção das vias aéreas.

“Saliento que crianças em fase de amamentação, após serem alimentadas, devem ser colocadas para arrotar, isso evita que o ar acumulado no estômago faça retornar líquido pelas vias respiratórias, fazendo com que, ao respirar, o leite vá parar nos pulmões e cause assim o afogamento”, explicou o sargento Hugo Fernandes.

Após o atendimento prestado via telefone, os pais da criança foram orientados a levar a criança ao hospital, para uma melhor avaliação com um médico.

Na manhã dessa segunda-feira, 19, os bombeiros foram até a residência da família, conheceram João Vitor e constataram que mãe e filho passam bem.