Educação socializa dados do Ideb com equipes escolares e Diretorias Regionais de Educação

16/09/2020 - Núbia Daiana Mota e Alcione Luz/Governo do Tocantins

Os resultados de desempenho no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2019, divulgados na segunda-feira, 15, foram socializados pela Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), com equipes das Diretorias Regionais de Educação (DREs), gestores escolares e coordenadores pedagógicos das unidades de ensino da rede estadual. A apresentação foi feita durante uma live realizada no canal da Seduc no YouTube.

Conforme a divulgação do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), a rede estadual obteve um avanço no ensino médio, com 3,9 pontos, frente aos 3,7 pontos registrados no Ideb de 2017. Com isso, o Estado ficou acima da média (3,5), e na segunda colocação entre os estados da Região Norte.

Durante a live, a titular da Seduc, Adriana Aguiar, destacou o desempenho do Tocantins em todas as etapas e o crescimento na proficiência e nas taxas de aprovação. “Este é um momento que provoca reflexão e que permite enxergarmos os nossos avanços. Os dados apresentados refletem o esforço coletivo das equipes escolares, das estratégias pedagógicas e do conjunto de ações implementadas em 2018, que começaram a repercutir em 2019”, pontuou.

Adriana Aguiar ressaltou a importância dos profissionais da educação tocantinense nos resultados alcançados e fez um chamamento aos diretores “para que transmitam o agradecimento do Governo do Tocantins para suas equipes pelo empenho e pela dedicação, motivando os servidores que contribuem para a melhoria constante da educação no Estado. É importante valorizar os resultados e reconhecer o esforço das unidades que vêm contribuindo para o desenvolvimento da educação”, ponderou.

Avaliação e monitoramento

Na apresentação, o secretário executivo da Seduc, Robson Vila Nova Lopes, fez uma explanação sobre o cálculo do índice, dada a importância do monitoramento, e enfatizou que a intenção do Estado, em analisar os dados, é promover uma discussão qualitativa, avaliar e planejar as estratégias de intervenção para que o Tocantins continue fortalecendo a qualidade da educação.

“As unidades devem se apropriar dos dados para enxergar esses resultados como uma ferramenta do dia a dia na escola para orientar a atuação da equipe. O objetivo do Ideb não é ranquear as escolas, nem as redes, mas possibilitar a avaliação das políticas desenvolvidas e planejar, mais do que nunca, os próximos passos em busca da melhoria contínua da educação”, enfatizou Robson Vila Nova Lopes.

Desempenho e evolução

O gerente de Currículo e Avaliação da Aprendizagem, Jhonata Pereira Moreira, apresentou a série histórica do desempenho e evolução dos índices do Tocantins no Ideb nos anos iniciais e finais do ensino fundamental e do ensino médio. “O Tocantins alcançou metas e projeções da Região Norte e apresenta uma grande diferença em relação aos demais estados da região. Esses índices mostram o quanto o Estado tem evoluído e que o Governo do Tocantins vem trabalhando nesse esforço coletivo com as unidades escolares e a DRE”, pontuou.

Nos anos iniciais do ensino fundamental, as escolas tocantinenses ficaram acima da projeção estabelecida, levando em consideração as redes pública e privada. Já a rede estadual atingiu 5,8 pontos, acima da meta para essas turmas, que era de 5,6.

Nos anos finais, o Tocantins também registrou crescimento em relação ao último Ideb. De acordo com os dados de todas as redes de ensino, em 2019, foram 4,7 pontos, enquanto, em 2017, esta etapa obteve 4,6 pontos. Já a rede estadual manteve o desempenho do Ideb anterior, com nota 4,4.

A live está disponível no Canal do YouTube: TV Seduc Tocantins.

 

Edição: Lenna Borges 

Revisão Textual: Marynne Juliate

Compartilhe esta notícia