Governo lança Vestibular para novo câmpus da Unitins de Paraíso do Tocantins

14/11/2019 - Charlyne Sueste/Unitins

O Governo do Estado, por meio da Universidade Estadual do Tocantins (Unitins), lançou nesta quinta-feira, 14, o edital do Vestibular 2020/1 para o câmpus de Paraíso do Tocantins. São oferecidas 120 vagas divididas em três cursos: Ciências Contábeis, Direito e Tecnólogo em Agronegócio, sendo 40 vagas para cada. Todos os cursos de graduação ofertados pela Unitins são gratuitos e presenciais. Há pagamento de taxa somente para a inscrição no processo seletivo, no valor de R$ 120.

As inscrições poderão ser feitas, a partir das 9 horas, do dia 20 de novembro até o dia 2 de janeiro de 2020, exclusivamente pelo site da instituição. As provas serão aplicadas no dia 19 de janeiro e as aulas já começarão em fevereiro, seguindo o calendário acadêmico dos outros câmpus já existentes – Palmas, Araguatins, Augustinópolis e Dianópolis.

De acordo com o reitor da Unitins, Augusto Rezende, o câmpus da Unitins em Paraíso mostra o fortalecimento da universidade perante a sociedade e confirma que o governador Mauro Carlesse prioriza a educação em todos os níveis – fundamental, médio e superior. O reitor reforça o apoio governamental, do deputado federal Osires Damaso e de deputados estaduais para que a implantação se torne realidade já para 2020.

Com o vestibular dos outros câmpus somado a este, a Unitins terá 600 novos alunos no primeiro semestre letivo de 2020, o que para o reitor demonstra que “a Unitins cumpre seu papel social e no desenvolvimento das políticas públicas do Estado. A formação na educação superior é o passo para o desenvolvimento, não existe desenvolvimento numa região sem a boa educação superior, pesquisa, projetos de extensão e correlação com o mercado. A Unitins expande sua missão e razão de ser como instituição que leva a educação e que promove a transformação na vida das pessoas e das famílias por meio da educação”.

Implantação

A implantação do câmpus de Paraíso do Tocantins foi recentemente autorizada pelo Conselho Universitário (Consuni) e pelo governador Mauro Carlesse e viabilizada por emenda parlamentar do deputado federal Osires Damaso. O câmpus universitário funcionará nas instalações do Colégio Estadual Trajano Coelho Neto, que tem localização centralizada e estratégica no município.

Para a implantação em junho de 2018, foi instituída uma comissão responsável por avaliar a viabilidade do câmpus e levantar informações sociais e estruturais para a unidade, considerando quais cursos atenderiam melhor a região do Vale do Araguaia nesse primeiro momento.

Agora, a Unitins e a Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc) organizam a liberação do prédio e a estruturação de equipes e equipamentos necessários para o pleno funcionamento a partir de 2020. A Universidade já está elaborando os projetos dos cursos e preparando os pontos pedagógicos necessários para o início das atividades na unidade.

Compartilhe esta notícia