Motorista de aplicativo é preso em Palmas por possível prática de estupro em Tocantínia

09/08/2019 - Cláudia Santos/Governo do Tocantins

A Polícia Civil cumpriu, na manhã desta sexta-feira, 9, em Palmas, mandado de prisão de C.F.C., 30 anos, pela possível prática de estupro, cometido em 2009, no município de Tocantínia.

O suspeito é motorista de aplicativo e, no momento da prisão, encontrava-se com seu veículo nas proximidades do Hospital Geral de Palmas (HGP), aguardando um passageiro. Na época do crime, ele era técnico em manutenção de piscinas.

A prisão foi realizada pela Delegacia de Polícia Interestadual e Captura (Polinter) e, após os procedimentos de praxe, C.F.C. foi encaminhado para a Casa de Prisão Provisória (CPP) de Palmas, onde permanece à disposição da Justiça.