Operação Hermanos prende, em Goiânia, homem suspeito de cometer crimes em Araguaína

12/01/2021 - Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins

Uma ação conjunta de combate à criminalidade realizada pela Delegacia de Repressão a Roubos (DRR), de Araguaína, com apoio da Delegacia Estadual de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos Automotores (DERFRVA) de Goiânia/GO, resultou na captura de um homem de 20 anos de idade. A ação faz parte da 4ª fase da operação Hermanos e foi deflagrada na tarde da última sexta-feira, 8, em Goiânia.

O homem detido é suspeito de cometer roubo a residência com emprego de arma de fogo e restrição de liberdade, receptação de objetos roubados, além de prestar apoio logístico a uma associação criminosa que atuava em Araguaína na prática de crimes contra o patrimônio.

Investigações

As investigações, que culminaram na localização do suspeito, foram iniciadas pela DRR de Araguaína ainda em meados de 2020, quando os policiais civis identificaram três irmãos que se uniram para cometer uma série de ilícitos extremamente violentos, mediante uso de armas de fogo e restrição de liberdade. Dessa maneira, os investigadores da Unidade Especializada obtiveram informações de que um dos suspeitos de envolvimento nos crimes teria fugido para Goiânia.

De posse da ordem judicial, a autoridade policial entrou em contato com a DERFRVA de Goiânia e pediu apoio para efetuar a captura do indivíduo. Assim, por meio da ação conjunta, o homem foi localizado e preso, sendo encaminhado ao presídio em Goiânia, onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário da Comarca de Araguaína.

Hermanos

A operação foi batizada com o nome de Hermanos, em alusão ao fato de que três irmãos se uniram e passaram a cometer uma série de crimes, sobretudo contra o patrimônio, em Araguaína. A associação criminosa foi desarticulada após diversas ações da Polícia Civil, por meio da DRR.

 

Edição: Luiz Melchiades

Revisão Textual: Marynne Juliate

Compartilhe esta notícia