Polícia Civil deflagra operação de combate a crimes patrimoniais na Capital

14/02/2020 - Rogério de Oliveira/Governo do Tocantins

A Polícia Civil do Estado do Tocantins, por meio de uma ação conjunta deflagrada por policiais civis das 4ª e 5ª Delegacias de Polícia de Palmas, deu cumprimento nesta sexta-feira, 14, a dois mandados de busca e apreensão expedidos pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Palmas.

A ação foi comandada pelo delegado Túlio Pereira Mota, titular da 4ª DPC, que ressaltou que as ordens judiciais foram cumpridas em imóveis localizados na zona sul da Capital, onde foram apreendidos diversos aparelhos celulares, bem como dispositivos de armazenamento informático.

A ação objetivou desarticular uma associação criminosa que vem praticando diversos crimes de roubo na região. O delegado Túlio Motta pontuou que a ação é de suma importância para preservar a ordem e manter a paz.

"As Delegacias de Polícia Civil da região sul de Palmas estão empenhadas no combate aos crimes de furto, roubo e receptação. A ação de hoje inicia um ciclo que visa reprimir os crimes contra o patrimônio e reduzir a incidência desse tipo de crime na região dos Aurenys, Taquaralto, Taquari e adjacências", pontuou Túlio Motta.

O delegado titular da 5ª Delegacia de Polícia Civil, Guilherme Rocha, acrescentou que as ações de combate à criminalidade serão intensificadas que novas ações podem ocorrer no decorrer das próximas semanas. Ele também ressaltou que as ações conjuntas e a criação da 2ª Delegacia Especializada de Repressão às Infrações de Menor Potencial Ofensivo (Deimpo) têm contribuído para reforçar as ações realizadas pela Polícia Civil na região sul de Palmas.

“A criação da 2ª Deimpo propiciou um melhor dinamismo no combate aos crimes contra o patrimônio", destacou o delegado.

Compartilhe esta notícia