Polícia Civil prende candidato a vereador por suposto crime eleitoral em Santa Fé do Araguaia

16/11/2020 - Segurança Pública/Governo do Tocantins

Na tarde desse domingo, 15, policiais civis que estavam realizando o plantão eleitoral na cidade de Santa Fé do Araguaia, por ocasião das eleições 2020, realizaram a prisão em flagrante de um candidato a vereador daquela cidade pela prática, em tese, do crime de compra de votos.

De acordo com o delegado Breno Eduardo Campos Alves, a ação da Polícia Civil foi deflagrada após o recebimento de informações que davam conta de que estaria havendo compra de votos em alguns pontos da cidade de Santa Fé do Araguaia. Desse modo, os policiais civis aprofundaram as investigações e foram até um posto de combustíveis, onde realizaram a prisão em flagrante delito de um candidato a vereador. O estabelecimento, conforme apurado, pertence à irmã do candidato e nele os eleitores estavam abastecendo mediante notas de autorização (requisição/vale).

Ainda segundo a autoridade policial, por meio de investigações, foi possível encontrar elementos que possibilitaram a prisão em flagrante do candidato, bem como de um eleitor que estava sendo beneficiado pelo ato ilícito, sendo que ambos foram autuados pela prática do crime tipificado pelo Art. 299 do Código Eleitoral. No entanto, ambos os indivíduos recolheram, aos cofres públicos, as quantias arbitradas como fiança pela autoridade policial e, assim, obtiveram o direito de responder ao devido processo legal em liberdade, conforme determina a legislação eleitoral vigente.

O delegado Breno Alves informou que "se tratou de uma ação rápida e de alto valor em coleta de elementos probatórios, possibilitando a prisão em flagrante delito".

 

Edição: Thâmara Cruvinel

Revisão Textual: Marynne Juliate

Compartilhe esta notícia