Polícia Civil prende homem suspeito por homicídio em Araguaína

03/12/2019 - Rogério de Oliveira / Governo do Tocantins

Policiais civis da 2ª Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Araguaína, comandados pelo delegado Guilherme Torres, cumpriram, na manhã desta terça-feira, 3, mandado de prisão preventiva em desfavor de um indivíduo de iniciais A.E.S., de 19 anos. Ele é suspeito pelo homicídio que vitimou Daniel Aragão da Silva, fato ocorrido no dia 22 de janeiro de 2019, no setor Lago Azul IV, em Araguaína e foi capturado quando se encontrava em sua residência no mesmo setor.

De acordo com o delegado, dez dias antes do homicídio, A.E.S., juntamente com mais um indivíduo, teria ido até a casa da vítima. O suspeito estava armado com um revólver, ele efetuou disparos em Daniel, que foi socorrido e levado para o Hospital Regional de Arguaína, onde ficou internado por dez dias e após receber alta, voltou para a sua residência.

Todavia, os mesmos indivíduos retornaram até o local, sendo que A.E.S. adentrou na residência e efetuou quatro disparos de arma de fogo contra Daniel, sendo que dois deles o atingiram na nuca. Devido à gravidade dos ferimentos, o jovem não resistiu e veio a óbito. As equipes da DHPP começaram as investigações e conseguiram identificar a autoria do crime.

Com base nas informações levantadas, a autoridade policial representou, junto ao Poder Judiciário, pela prisão preventiva de A.E.S., a qual foi deferida. Em seguida, os policiais civis da DHPP intensificaram as investigações e as diligências e conseguiram localizar o paradeiro do suspeito, o qual estava em uma residência situada no mesmo bairro do crime.

Policiais civis deram cumprimento à ordem judicial e conduziram o indivíduo até a sede da DHPP. Após a realização das providências legais cabíveis, o homem foi recolhido à Casa de Prisão Provisória de Araguaína (CPPA), onde permanecerá à disposição do Poder Judiciário.

Compartilhe esta notícia